segunda-feira, 30 de junho de 2014

Bolo Econômico de Maçã: é de liquidificador, não leva leite, nem água, nem suco! Quer conhecer?

É muito fácil de fazer. O mais caro dos ingredientes da receita é a própria maçã.
É ótimo para comer morninho com café ou chá, ao receber alguém.



COMO FAZER? É SIMPLES!!!

Bata, no liquidificador, nessa ordem, parando para pôr cada ingrediente
e batendo de novo em seguida (não ponha tudo de uma vez para bater):

3 ovos, 1/2 xícara (chá) de óleo, 1 colher (sopa) de canela em pó, 3 maçãs bem lavadas
 (1 1/2 com casca e a outra metade sem casca - tudo sem sementes),
2 xícaras (chá) de açúcar (usei 1 e 1/2) e 2 de farinha de trigo e
1 colher (sopa) de pó royal.


No meu caso, como o liquidificador mais potente está na autorizada,
para bater no mais simples que ficou em casa, após colocar a 1ª xícara de farinha de trigo e
desligar o liquidificador, usei uma faca sem ponta para soltar as laterais e misturar tudo
e aí liguei de novo no mais forte. O mesmo ao acrescentar a última xícara e o fermento.


Notei que, ao colocar as maçãs, amoleceu mais um pouco a mistura.
Com a farinha é que ficou mais pesada para o liquidificador simples bater.

Realmente, não vai leite, nem a água do pão-de-ló, nem suco.


Ainda morno, desenformei, da seguinte forma:
Pus um prato em cima da forma, tentando centralizar,
segurei a forma com um pano e "emborquei" a forma de uma vez só,
como está na foto acima. Claro que verifiquei antes se
estavam soltas as laterais e perto do buraco da forma.


Ficou dessa forma.....


Aí pus outro prato e desvirei o bolo.
Ele só ficou um pouco amassadinho no local onde peguei,
porque é muito macio, quando quente, e eu precisava ter segurado mais na ponta.


Fiz de manhã e, à noite, ao comer, notei que não estava exatamente igual
ao pedaço que comi de manhã, mas estava bom também.

Como sugestão, para a próxima vez:
bater as claras à parte e misturar cuidadosamente ao que está no liquidificador.


Outra possibilidade é usar uma calda ou um doce de maçã
para jogar por cima.


Ah, na receita original, eram 2 ovos e eu preferi usar 3 por causa
da dificuldade do liquidificador que usei, em misturar tudo.


Conclusão: a relação custo x benefício e o tempo gasto para fazer, 
valeu sim...aliás, durante o dia todo, acabei comento já uns 6 pedaços, pode?

Aqui não podemos compará-lo a outros que levam ingredientes mais rebuscados
ou aqueles mais trabalhosos. Por isso resolvi postar mesmo assim.

Essa receita foi de um concurso do Pão-de-Açúcar junto aos funcionários,
que gerou a revista "Cozinha Econômica". Vi que há várias dicas como essa
e, de vez em quando, testarei as receitas.

Beijinhos da Sil!!! :-)

Nenhum comentário:

Postar um comentário