domingo, 16 de junho de 2013

Risotão de Forno do Maridão: Prático e Saboroso!

 
Precisei sair no sábado e meu marido disse que
eu não me preocupasse, pois ele daria um jeito.....
..claro, aproveitando o que tinha em casa.
Bem, resumindo, quando ele diz que fará o almoço,
já sei que ficará gostoso.
Minha única ressalva: "tire fotos!"
 
 
É, sabia que não ficaria muito tempo fora, mas saí sem preocupação!
Ao retornar, já estava tudo pronto. Só faltava esquentar no forno.
Foi levar ao forno e comer! E como acabei comendo!!!!
Foi a única parte "triste" disso tudo.....
 
 
Uma delícia!
Pena que não tinha a batatinha fininha...
... mas AMEI!
 
 
Um só prato: prático, econômico e saboroso! 
 
 
 
ELOGIOS À PARTE,
VAMOS À RECEITA!
 
 
Ingredientes: 1 e 1/2 xícara (chá) de arroz parboilizado cru, lavado e escorrido, sal a gosto (precisou muito pouco), 2 dentes de alho picados, 1 cebola média picada para cozinhar o arroz e outra para pôr na linguiça, 2 colheres (sopa) de azeite extra virgem para refogar o arroz e outras 3 para refogar a linguicinha, 1 xícara (chá) de cenoura crua picada em quadradinhos, 1 colher (sopa) de pimentão picado em cubos pequenos, 1 copo de requeijão de sua preferência, 1 lata de ervilha com milho (use só de ervilha, se preferir), 50g de queijo parmesão ralado (usou a de pacote mesmo - marca boa - pois não havia o parmesão), 1 caldo de frango, 4 linguiças de frango defumado (cortadas em metades de rodelas, fervidas e fritinhas em pouco azeite) - usou a da Copacol - salsa para polvilhar ao final, 5 ovos mexidos (fritinhos em pouca margarina e mexidos). Como acabou nosso açafrão, ele usou em torno de 1 colher (sobremesa) de urucum (colorau) - disse que foi mais ou menos isso. Acabou caindo mais do que ele queria.
 
Modo de Fazer: refogue a cebola e o alho no azeite, ponha o arroz já lavado e escorrido, refogue, acrescente a cenoura e o pimentão, refogue rapidinho, ponha a água fervendo e o caldo de frango (ele usou em pó). Ao provar o tempero, acrescente um pouco de sal, se precisar, lembrando que ainda irão outros ingredientes que poderão salgar o arroz. Enquanto o arroz fica pronto, à parte, ferva a linguiça já picadinha, escorra e a refogue na outra metade do azeite. Tampe a panela e mexa de vez em quando. Ao notar que ficou coradinha (veja o tanto que quer corar a linguiça), ponha a cebola e repita o procedimento (dica: se começar a grudar um pouco, ponha 1 colher de sobremesa de margarina). Ao terminar, ponha a lata de ervilha com milho já lavada e escorrida e refogue, tampando e destampando a panela. Nesse momento, o arroz deve ficar pronto. Misture tudo em uma vasilha que vá ao forno, ponha o requeijão, misture bem, polvilhe salsa e o queijo ralado e leve ao forno por pouco tempo para não ressecar.
 
 

 
 
Dica 1: uso a água no dobro da medida de arroz. Uso água fervendo para pôr no arroz refogado.
 
Dica 2: Quando sou eu quem faz o arroz, mesmo com cebola e alho, não uso óleo, nem azeite. Quando começa a ficar bem quente a cebola (com ou sem alho), ponho o arroz um pouquinho molhado ainda (sem escorrer/secar totalmente) e o refogo. Essa umidade vai embora e aí acrescento a água fervendo e o sal (uma colherinha mais ou menos). Às vezes aproveito a água do cozimento dos legumes.
 
Dica 3: Já tenho tudo picado em casa. Congelo cenoura crua picadinha em cubos. O mesmo para pimentões (separado em cores), vagem, ervilha torta e até cheiro-verde (salsa separada da cebolinha). Também congelo, suco puro de maracujá, molho de tomate feito por mim e etc. Faço isso no final de semana, para ajudar durante a semana. No dia de minha faxineira, ela corta a cebola para mim e deixa os dentes de alho já em 2 metades, sem aquela parte do meio (não sei se aquilo se chama bulbo...). Isso facilita muito na hora em que precisamos ser rápidos. Quando não dá para ter esse estoque, o jeito é cortar tudo e demorar mais mesmo. Já as saladas, fazemos na hora.
 
 
 
 
BOM APETITE!
 
 

 
Beijinhos da Sil!!!:-)

 

 
 

0 comentários:

Postar um comentário