quarta-feira, 27 de abril de 2016

Nuggets/Steaks vegetariano de milho no forno: super saudável, não tem glúten e ficou muuuuuuuuuuuito gostoso!

Eu deixei levemente assado para congelar assim após esfriar.
Comi um deles da forma como está e gostei muuuuuuuuuito mesmo.


Acho que não tostarão muito mais que isso não quando for usar,
mas deve escurecer um pouco mais, claro.
(motivo: o material com o qual foi empanado e por não ser frito)

Estou testando uns produtos vegetarianos para ver como ficam e congelando.
Tem tortas, hambúrgueres e alguns pratos.
Postarei todos que derem certo como este.


VAMOS À RECEITA????

 

Ingredientes: 1 lata de milho com a água (pode usar o milho cozido e água filtrada (mesma medida de como estivessem na lata), 8 colheres de farinha de aveia, 1 cebola média ou pequena picadinha, 2 dentes de alho grandes amassadinhos, 3 colheres (sopa) de óleo de coco e tempero a gosto (sal, orégano, pimenta, alho em pó...o que gostar - usei sal e mix de ervas). Para empanar, use, em partes iguais, uma mistura de amaranto em flocos, gérmen de trigo - o dourado - e farelo de aveia (use 1/2 xícara de chá de cada - não tinha gérmen de trigo e dobrei a quantidade de aveia - acrescentei 1 colher de sopa de alho em flocos e salpiquei um pouco de sal). Por fim, água para passar cada steak/nugget nela antes de empanar. Veja aqui as tabelas de equivalência.

Modo de Fazer: bata, no liquidificador o milho (com água e tudo), a farinha de aveia e os temperos que escolheu (usei sal e mix de ervas). Assim que ficar homogêneo reserve. Em fogo baixo, em uma panela antiaderente, refogue a cebola, o alho com óleo de coco e um tiquinho de sal. Ponha a mistura do liquidificador nesse refogado e misture até desgrudar do fundo da panela. Transfira para um recipiente de vidro e deixe esfriar um pouco. Assim que tiver morno, molde uma pequena porção em formato de nugget/steak (use a colher de sopa que ajuda a ficarem com os tamanhos aproximadamente iguais), passe na água e depois na mistura de empanar. Repita o processo até acabar a massa (eu usei uma vasilha de servir sobremesa, para pôr pouca água e ficar trocando a cada 4 nuggets/steaks). Ponha em uma forma antiaderente e leve ao forno médio pré-aquecido para assar por uns 25min ou até dourar. Não esqueça de virar na metade do tempo. Virei na metade do tempo, mas assei por 15 minutos. Deram 16 unidades, mas dão em torno de 12 de 30g (se fizer nuggets/steaks maiores que os meus).

Veja o bem que faz o empanado
ao seu organismo...



O amaranto é um grão que vem ganhando destaque pelos benefícios à saúde.
É rico em proteínas, fibras, cálcio, ferro, fósforo e magnésio.
É bom para prevenção do câncer, para regular colesterol e pressão arterial
(nutriente com excelente ação antioxidante).


É uma das principais fontes naturais de vitamina E e do complexo B.
Consumir o gérmen de trigo regularmente ajuda a regularizar os ciclos menstruais,
porque seus nutrientes atuam diretamente nas glândulas sexuais,
interferindo positivamente na produção de hormônios e na fertilidade da mulher.


aveia em si não contém glúten, mas,
como na maior parte do mundo, ele é processado junto ao trigo e
assim é considerado um dos alimentos perigosos para os celíacos.
Por isso, é importante sempre verificar a embalagem,
pois se ele contiver traços dessa proteína, deverá constar na embalagem "contém glúten".


Uma ótima semana a todos!!!

Beijinhos da Sil!!! :-)


domingo, 24 de abril de 2016

Bolo de Fubá com óleo de coco, leite de coco e açúcar demerara (com e sem cacau) - superou as expectativas!

 Mesclado: com ou sem cacau em pó ou...


...ou totalmente bolo de fubá!


  
Ingredientes: 2 xícaras (chá) de fubá de milho (aquele fininho mesmo), 2 vidrinhos de 200ml de leite de coco (não sei se tem vidrinho de 400ml), 2 xícaras de açúcar (1 demerara e 1 de coco – ainda fiquei com medo de testar somente com açúcar de coco – também tinha um restinho de açúcar demerara e mesclei), 1/2 xícara de óleo de coco, 3 ovos grandes (3 gemas e 3 claras em neve), 1 colher (sopa) de fermento para bolo e 1 colher (sopa) de erva doce.


Modo de Fazer: em uma panela antiaderente, misture o óleo com o leite e o açúcar. Acrescente o fubá e a erva doce, misture de novo, ligue o fogo médio até que apareça direitinho o fundo da panela. A massa fica mais unida e solta fácil da panela. É sinal de que cozinhou. Deixe esfriar normalmente. Quando estiver praticamente fria a mistura, ponha as gemas sem a pele, misture e reserve. À parte, bata as claras em neve, retire 1 dos batedores da batedeira, acrescente o fermento e misture bem delicadamente, o mais devagar possível. Junte, aos poucos, a metade da massa, depois o restante. Ela ficará fofinha. Ponha nas formas que desejar, mas lembre-se de não encher até o final, pois ele cresce (e não murcha depois).

Como mesclar: ponha metade da massa e acrescente um pouco de cacau em pó (ou chocolate em pó, a depender do quanto você gosta de bolo mais doce ou menos doce).

1 receita deu para este bolo de fubá puro...

 

 
  

e outros 6 na forminha de silicone..mesclados.


 

 

 


A receita original já havia sido alterada por mim - veja aqui.
Tinha prometido mudar ainda mais e fiz mais este teste.
Era uma das delícias da família italiana do meu sogro
e minha sogra aprendeu a fazer. Meu marido adora!


Agora compartinho com vocês esta nova versão!
Meus vizinhos adoraram!


Gosto muito de presenteá-los com meus quitutes.
Eles são uns amores comigo e com minha família também!
E depois dizem que todos são "secos" e distantes em Brasília...


Testem por aí e me digam o que acharam, ok?

Uma ótima semana pra todos nós!!!

Beijinhos da Sil!!! :-)

sábado, 23 de abril de 2016

Torta Vegetariana de Espinafre, Ricota, Repolho e temperos: simples, saudável, leve e saborosa!

Vi o que tinha na geladeira e que agradasse a minha filha que
não gosta de nada com carne alguma.



Aí resolvi fazer essa torta. Uma adaptação de outras que já havia feito
(receitas 1, 23, 45, 6 e 7).
Acabou dando certo e foi o lanche de todos nós hoje aqui em casa.



Então, vamos lá! Vejam como é fácil de fazer!!!

Ingredientes: 1 maço grande de espinafre preparado e depois picadinho e bem escorridinho, 1 xícara (chá) de repolho bem picadinho e outra de abobrinha, ½ pacote de ricota esfarelada, 1 cebola média picadinha, 1 tomate pequeno (sem sementes) picadinho, mix de ervas (salsa, manjericão, orégano), 3 dentes médios de alho espremidos, 3 ovos grandes batidos juntos, 1 colher (sopa) de queijo vegano e outra de mix de farinhas sem glúten, azeite extra-virgem somente para refogar temperos (usar pouco) e sal a gosto.

Modo de Fazer: primeiro prepare o espinafre. Depois refogue o espinafre com alho, cebola, sal a gosto e um pouquinho de azeite, com o mix de temperos. Acrescente o repolho, misture bem, refogue mais um pouco, acerte o sal e acrescente a ricota. Misture tudo muito bem e deixe esfriar. À parte, bata os ovos e acrescente à mistura já fria. Faça o mesmo com o queijo vegano. Com tudo já misturado, ponha em uma forma untada com manteiga e enfarinhada (com o mix de farinhas ou com a farinha de arroz). Leve ao forno médio até dourar e sirva quente. Se preferir, pode também separar em forminhas de cupcake. 



Um ótimo domingão a todos vocês!!!


Beijinhos da Sil!!! :-)

quinta-feira, 21 de abril de 2016

Uma delícia de Lasanha à Bolonhesa com molho caseiro no feriadão de Tiradentes e aniversário de Brasília!

Aproveitando a promoção de tomates lindos, queijo e ervas que tinha em casa,
resolvemos comer lasanha e congelar também para dias mais especiais.
Afinal, não é todo dia que se pode comer lasanha, né?


O rendimento foi uma assadeira antiaderente grande 
e uma "quentinha" semi-pronta para congelamento e uso posterior.

Mas acho que exageramos, porque sobrou lasanha para
congelarmos em mais um alumínio descartável.

Deu trabalho, mas ficou delicioso mesmo!

Mais adiante, você verá muitas dicas para tornar
sua lasanha bem menos calórica, vegana e até sem glúten.
Quer saber mais? Veja tudinho, ok?

VAMOS À RECEITA LOGO?

 

Ingredientes do Molho à Bolonhesa: 1 pacote de 500g de massa de lasanha (daquelas que são montadas cruas e cozinham com a lasanha já montada), 30 tomates sem pele e sem semente, 8 colheres (chá) bem cheias de alho picado -  sendo 5 delas para o molho e 3 para a carne moída, 500g de carne moída (usei coxão mole), 1 colher (sopa) de mix ervas seca para o molho e 1 colher (chá) desse mix para a carne moída, 2 colheres (sopa) de folhinhas de manjericão higienizado, 6 cebolas grandes picadas, sendo 4 para o molho e 2 para a carne moída, sal e azeite extra-virgem a gosto e 500g de queijo muçarela ralado.

Modo de Fazer o Molho: primeiro tire as peles e as sementes dos tomates e os pique grosseiramente (veja a dica mais abaixo). Reserve. Refogue a cebola com o alho e azeite (não precisa muito não. Use panela antiaderente, fogo médio a baixo e pouco azeite. Acrescente em seguida os tomates e misture bem. Ponha ervas (mix + manjericão) e sal, um pouquinho de água filtrada (depois você vai colocar mais - agora é pouquíssimo mesmo - eles não ficam mergulhados não - é só para evitar usar mais azeite, misture e tampe. Olhe de vez em quando, mas uns 10min depois já pode usar um amassador de batata para amassar os tomates, deixando ainda pedacinhos para darem um charme. Agora pode pôr mais água filtrada, misturar bem e provar de novo. Vai fazendo assim, até sentir que o molho está no ponto. Você pode bater metade dele no liquidificador para encorpar. Reserve para pôr na carne moída refogada e ficar pronto seu molho à Bolonhesa.

Molho Caseiro já bem encorpado e sem carne.
Amassador/Espremedor de batatas

Modo de Fazer a Carne Moída à Bolonhesa: primeiro refogue a cebola e o alho em pouco azeite (fogo médio a baixo). Ponha a carne moída, misture com o refogado, acrescente sal e ervas e misture de novo. A carne começará a soltar água dela mesma. Você aproveita para usar o amassador de batatas nela para ficar bem miudinha. Veja se está com líquido (sem exageros). Se não tiver, ponha um tiquinho de água filtrada (pouca mesmo, pois aqui virá o molho pronto de tomates. Prove o sal de novo e tampe. Por uns 5 a 10 minutos, em fogo baixo, deixe curtindo no fogo. Agora pode pôr o molho de tomates caseiro e deixar curtindo por uns 20 minutos. Se ficar muito grosso, pode pôr um pouco mais de água filtrada e regular o sal. Desligue e monte sua lasanha. 

Modo de Fazer a Lasanha à Bolonhesa: Divida o material todo em vasilhas de sua preferência. usei uma assadeira antiaderente grande e um vasilhame de alumínio descartável. Ponha uma camada  mais ou menos generosa de molho (pegando mais molho que carne), a massa de lasanha, um pouco do queijo, molho de novo (agora completo, com carne) - mas sem exagerar na quantidade de molho, pois pode não sobrar para o final - é preciso ir regulando. Ponha novamente a massa de lasanha e o molho mais 2 vezes, terminando com molho e depois queijo muçarela ralado fartamente. Foram 4 camadas de molho à bolonhesa (porque comecei com ele), 2 de queijo, pois só usei na 1ª e na última camada) e 3 de macarrão para lasanha. Cubra com papel alumínio (a parte brilhosa virada para baixo). Leve ao forno médio a baixo pré-aquecido por 40 a 50 min, a depender do seu forno. Tire o papel alumínio e deixe mais uns minutinhos somente para dar uma douradinha no queijo e sirva quente! É uma ótima pedida para receber a família no domingão.

Importante: se usar a massa de lasanha daquelas que faz a massa à parte, em água fervente, pode deixar o molho encorpado, pois a lasanha, depois de montada, irá ao forno somente para derreter e dourar o queijo (e aí ela estará quentinha também e no ponto) - isso deve levar somente uns 15 ou 20 min. Se usar a massa que vai ao forno junto do molho e assim cozinhará, sempre levará mais tempo. Respeite as dicas da própria embalagem. No meu caso, ela dizia para ficar esse tempo. Usei o macarrão duro, seco, marca Adria.

Dicas para tirar as peles dos tomates: ponha bastante água para ferver (uns 500ml). Enquanto isso, faça cortes em formato de x na parte de baixo de todos os tomates já higienizado. Ao ferver a água, mergulhe os tomates e deixe por 1 minuto ou tempo suficiente para a pele começar a soltar. Ponha-os imediatamente em vasilha com água fria e uns gelos nela. Nesse caso, como foram muitos tomates, você dividirá essa operação em 3 vezes (10 tomates por vez). Depois é tirar as peles de todos eles (saí bem fácil), partir em 4 para lavar em água filtrada para tirar as sementes e deixá-los escorrendo e depois picar tudo grosseiramente, já que depois serão amassados.

Mais dicas....
...torne sua lasanha mais leve ou 
até vegana ou sem glúten - várias opções

Dica 1: quer fazer de  uma forma mais rápida e mais saudável? Você pode evitar de usar até o azeite no molho. Basta bater os ingredientes no liquidificador com pouquíssima água filtrada e levar para ferver e, aos poucos, poderá ir acertando sal e acrescentando mais água até ficar no ponto para usar na sua lasanha (mais grosso, se for usar com a massa já pronta, ou um pouco - não tanto - mais diluída, para usar com a massa crua na montagem da lasanha.

Dica 2: pode usar massa integral (e talvez demore um pouco mais no forno) ou usar fatias finas de abobrinha ou berinjela. Se seus filhos não gostam delas somente por vê-las, prefira a abobrinha e tire a casca que as crianças não notarão.

Dica 3: para ser uma lasanha vegana, além de ser molho ao sugo, também poderá trocar o queijo por queijo vegetal e usar mesmo os legumes no lugar da massa ou massa sem ovos ou leite ou ainda fazer a sua própria massa ou massa sem ovo e sem glúten.

Dica 3: quer um molho de lasanha mais saudável ainda? Adicione 1 cenoura pequena para cozinhar junto e/ou um pedaço de beterraba. Já fiz isso antes e não dá para notar. Alias, fiz todas as dicas e todas são bem válidas. Veja esta receita de molho ao sugo do Nhoque Zena do Bertolazzi.


BOM APETITE!!!!

____________________________________________


Sobre o feriado de Tiradentes e Brasília....

Bem, sobre Brasília, até que vimos bastante na TV local,
mas os jornais de veiculação nacional na televisão brasileira
quase não mencionaram. E Tiradentes, então?

Uma pena, pois isso é valorizar nossas raízes.
Ouvimos muito hoje sobre a ciclovia que desabou no RJ
(realmente uma tragédia), sobre a morte do cantor Prince,
muito sobre Dilma e Temer, cerejeiras lindas do Japão...

Bem, gente, tirando o estado de MG e as escolas do Brasil,
precisamos resgatar mais matérias sobre os índios (dia 19/abril),
sobre aniversário da morte de Tiradentes
(não estou contando com a bela novela das 23h na Globo, claro),
do níver da bela cidade de Brasília..e por aí vai!

A imprensa tem um dever cívico, até pela mobilização das masas,
de perpetuar a nossa história, de registrar a memória das conquistas do nosso povo e
o que o nosso querido Brasil tem de bom!
Alguns fazem, mas os principais veículos da TV
nacional estão bem esquecidos disso.

Por outro lado, vejamos o que MG fez para comemorar o dia de Tiradentes
e o que Brasília fez para comemorar mais um aniversário!

____________________________________________

Uma ótima sexta-feira!!!

Beijinhos da Sil!!!! :-)


quarta-feira, 20 de abril de 2016

Bolo de milho engorda marido: é de liquidificador e muito fácil de fazer!

Bom demais comer este bolo com um cafezinho!


Tudo começou porque eu tinha 1/2 lata de milho verde...
...e a receita do bolo engorda marido!



A receita original é bater no liquidificador os ingredientes abaixo:

- 1 lata de leite condensado
- A mesma medida (lata) de leite de vaca
- A mesma medida de leite de coco
- A mesma medida de farinha de trigo
- 1/2 medida de açúcar
- 3 ovos inteiros
- 3 colheres de sopa de margarina

Depois, basta colocar essa massa em uma forma untada e polvilhada

e levar ao forno baixo a médio (pré-aquecido), até que fique dourado.


É como se fosse um pudim mais durinho....


No meu caso, diminui na metade a farinha e pus a metade 
da lata de milho lavado e escorrido. O resto foi igual.
Então, bati no liquidificador:

- 1 lata de leite condensado
- A mesma medida (lata) de leite de vaca
- A mesma medida de leite de coco
- A mesma medida de farinha de trigo
- 1/2 medida de açúcar
- 3 ovos inteiros
- 3 colheres de sopa de margarina

Dividi em pratinhos, levei ao trabalho, dei aos vizinhos e, claro,
saboreamos em casa também! Fácil, né?

 

 

Um ótimo feriadão pra você e sua família!!!

Beijinhos da Sil !!! :-)

terça-feira, 19 de abril de 2016

Leque de Berinjela - um prato saudável e gostoso para dias leves e felizes!

Super saudável, leve e muito fácil de fazer!


É montar e levar ao forno e servir quente.


Ele fica em formato de leque!



VEJA COMO É SIMPLES...

Ingredientes: 1 berinjela (do tamanho que preferir. A minha foi de média a grande) já higienizada e enxuta, cortada em fatias - sem serem partidas até o fim, para não se soltarem e formarem um leque - 1 cebola grande picada, 1 tomate médio a grande e sem sementes, 2 dentes de alho espremidinhos, 1 rodela grossa de pimentão amarelo picadinho e 1 colher (sopa) de cheiro verde (cebolinha + salsa ou coentro, a escolha é sua), sal e temperos a gosto (pode usar ervas e/ou pimenta-do-reino em pó, moída na hora).

Modo de Fazer: Deixe a berinjela em um escorredor, à parte, já partida e com um pouco de sal, para soltar um pouco da água, enquanto pica e mistura todos os demais temperos. Agora rega uma vasilha com fio de azeite e põe a berinjela, abre cada aba do leque dela e vai colocando essa mistura. Rega de novo com azeite e põe para assar no forno. Deixa 20 minutos coberto com papel alumínio e depois tira e deixa mais uns 10 a 15min, a depender do seu forno. Deixe ficar como está na foto.

Dicas: Se quiser usar molho de tomate caseiro e muçarela de búfala entre as abas do leque, ficará muito gostoso também e ainda dará um toque gratinado ao prato. Não pus, poque meu marido está meio que proibido esses dias agora de comer qualquer tipo de queijo.

 

Veja aqui os benefícios da berinjela!

Veja aqui muitas outras opções diferentes de saladas!


Veja agora outras receitas com berinjela do Doce Lar Para Você:






Leque de berinjela (esta receita)

 

BOM APETITE!!!!


Beijinhos da Sil!!! :-)